Bom Retiro

O Natal está chegando, época em que todos saem para fazer compras e, de preferência,  nos lugares mais baratos,  geralmente os mais cheios e menos confortáveis. A verdade é que o comércio de rua traz ótimas opções de preço, mas o consumidor deve estar preparado como um atleta para competir em uma maratona. Neste caso, com vários obstáculos nas calçadas…

Pois bem, para entrar no clima de compras natalinas, nossa vistoria da semana foi no Bom Retiro.Mar de gente

Para a nossa surpresa, a coisa estava pior do que a gente esperava, principalmente na Rua José Paulino, onde se concentra o maior número de lojas.  Muitas obras iniciadas no local pararam e a situação ficou calamitosa. A intenção até que era boa: tornar as lojas acessíveis até o natal, mas o fato é que pouco do que se planejou foi realmente concluído.

Praticamente todas as calçadas estão somente com um “projeto” de rampa: um quadrado mais fundo de concreto demarcando onde se dará o acesso. A calçada no começo da rua está péssima. Depois até melhora, porque metade da rua já está com passeio reformado.

O problema são os entulhos deixados, provavelmente, por conta destas obras inacabadas. Uma sujeira total com buracos gigantes no lugar de vagas de estacionamento. Além disso, muitos dos locais estão com calçadas abertas, com canos expostos.  Para atravessar a calçada de uma loja, precisamos até da ajuda da polícia militar que passava por lá!

Esperamos que até o final do ano a situação seja contornada e o local consiga receber todos os tipos de compradores, independente das condições físicas e sensoriais de cada um.

Afinal, do jeito como a José Paulino “anda” fica difícil até para olhar as vitrines. Eu mesma não pude nem dar uma olhadinha nos vestidos…

Publicado em Categorias Guardiões das Calçadas