Senadora Mara Gabrilli cobra Ministério da Saúde sobre inclusão de grupos vulneráveis no Plano de Vacinação

Foto da sala de trasmissão das sessões remotas do Senado Federal, onde imagem da Senadora Mara é transmitido no telão principal.A senadora Mara Gabrilli apresentou nesta quarta-feira (20/1) um requerimento ao ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, solicitando detalhes do Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra a covid-19.

A tucana cobra de Pazuello informações sobre a programação de vacinação de diversos grupos, como cuidadores de pessoas com deficiência, pessoas com doenças neuromusculares, pessoas com deficiências psicossociais, pessoas ostomizadas, pessoas que já foram contaminadas pelo coronavírus e pessoas portadoras do vírus HIV.

“O governo continua demonstrando pouco caso com a saúde da população, em especial com os mais vulneráveis, que foram esquecidos durante toda a pandemia”, diz Mara Gabrilli. A parlamentar também questiona o número de insumos e equipamentos necessários à imunização, como agulhas, seringas, algodão, freezers, entre outros, que já foi providenciado pelo Ministério da Saúde.

“O início da vacinação nos trouxe um alento, mas milhões de brasileiros ainda agonizam à espera de informação do governo brasileiro. Estamos trabalhando para que o Ministério da Saúde, desta vez, coloque a parcela da população mais vulnerável entre as prioridades da vacinação”, argumenta a senadora. A Saúde tem prazo de 30 dias para apresentar as respostas.

Mara ainda quer saber quando o Ministério da Saúde irá publicar o plano definitivo com as especificações e o calendário para cada grupo a ser imunizado, principalmente do detalhamento de quem é prioritário.

Fonte: Revista Veja

Acesse os documentos apresentados pela senadora:

Requerimento de Informação ao Ministério da Saúde

Indicação ao Ministério da Saúde

Ofício ao ministro da Saúde, Eduardo Pazuello

Ofício à Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo

Publicado em Categorias Destaques principais, Rascunhos